Geciano Vieira
Esporte


Junior Mariano
Criminalística


Deoclecio Neto
Religião & Politica


Rey Mendes
Literatura


Carlos Eduardo
Interior


Major Elizete
Ponto de vista


Elpídio Jr
Primeira Capital


Jackson Coêlho
Jornalismo de rua


Valdete Santos
Fé em foco

Fundo de preservação da Amazônia, a quem ele serve?

Todo esse escândalo, sobre o corte do repasse alemão para um fundo de preservação da Amazônia e que a grande maioria do povo brasileiro não sabia da existência.

O “Fundo Amazônia” foi criado durante o governo Lula, para captação de recursos a serem usados no combate ao desmatamento. O principal doador, com 93,8% dos valores, é a Noruega. A mesma Noruega cujo governo é sócio majoritário da MINERADORA HYDRO, que atua na região amazônica, responde a mais de DOIS MIL PROCESSOS por crimes ambientais (entre eles um vazamento de lama tóxica no estado do Pará) e deve mais de 14 MILHÕES, em multas, ao governo Brasileiro. Ou seja, é apenas um “carnê de prestações” para a VENDA DAS RIQUEZAS NACIONAIS, camuflado com o manto do preservacionismo progressista.

Primeiro, vale lembrar que a lei de uso do solo, na região amazônica é uma das mais restritivas do planeta. Enquanto no Sul e Sudeste a propriedade deve manter 20% de mata nativa, no Norte a exigência é 80%. Ou seja, uma propriedade de 100 hectares pode cultivar somente 20. Desmatar estes 20, porém, é ABSOLUTAMENTE LEGAL (além de necessário. Afinal, ninguém faz fotossíntese. Portanto, precisamos de alimentos). É EXATAMENTE essa a discussão sobre os dados do INPE. Quando o órgão divulgou aquela prévia, referia-se ao DESMATAMENTO TOTAL, verificado por imagens de satélite. Faz-se necessária, então, a confirmação de que este desmatamento REALMENTE é ILEGAL. Não, apenas, áreas agricultáveis PREVISTAS NA LEI. A divulgação prematura foi TOTALMENTE IRRESPONSÁVEL e o presidente está coberto de razão em questiona-los. Um órgão público, mais do que qualquer outro, deve ter COMPROMISSO COM A VERDADE. O chilique europeu, com a exigência de confirmação do governo, não passa de um teatrinho mambembe. Tem que ser MUITO INOCENTE para acreditar que a Europa, que devastou quase a totalidade de sua vegetação nativa, está preocupada com o desmatamento da Amazônia, que em 519 anos foi de apenas 8%. Sim, amiguinho ecochato, 92% da floresta está ABSOLUTAMENTE INTACTA, desde o descobrimento. O que interessa para os gringos é o que está DEBAIXO DO SOLO. É a exploração dos BILHÕES DE DÓLARES em recursos naturais, dentro do território brasileiro. EXATAMENTE como faz a “benevolente” Noruega, com sua mineradora criminosa. Se estivessem preocupados com árvores, com todo o dinheiro gasto aqui, já teriam reflorestado metade do velho continente.

O que, sabemos, não é o caso. ECOLOGIA COISA NENHUMA. O problema deles, com governo, é a ECONOMIA. O presidente tirou a placa de “vende-se” da nossa floresta tropical e os “donos do mundo”, que há anos leiloavam suas riquezas, ficaram putos da vida. Só isso. Nada mais!

“Os homens quando não são forçados a lutar por necessidade, lutam por ambição.” (MAQUIAVEL, Nicolau)

Texto de Felipe Fiamenghi – 14/08/2019

Sobre o Autor

Deoclecio Neto de Sousa
Deoclécio Neto é cristão protestante, casado, tem um filho, é metido a escritor e poeta, e é apaixonado por literatura brasileira, história e filosofia.

Deoclecio Neto de Sousa

Deoclécio Neto é cristão protestante, casado, tem um filho, é metido a escritor e poeta, e é apaixonado por literatura brasileira, história e filosofia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *